Nem sei mais que dia é hoje – Greg Kooche

 

Mais um dia em que o despertador,

toca mais cedo do que eu gostaria,

e preciso levantar para ir trabalhar,

pois é preciso fazer parte do teatro,

de um sistema podre e fodido,

em que eu não acredito a muito tempo.

Todos em volta parecem animais famintos,

correndo vorazmente atrás de,

qualquer soma de dinheiro,

que possam conseguir,

e embora eu goste muito do meu trabalho,

me pego pensando várias vezes,

enquanto limpo carnes,

corto batatas,

lavo pilhas e pilhas de louça

e lavo o chão,

no por que disso tudo.

Olho para os lados,

e vejo em sua grande maioria,

pessoas vazias,

perdidas e completamente sem rumo,

fazendo apenas aquilo que lhes disseram,

que deveria ser feito.

Quando foi que decidiram,

que o trabalho é mais importante,

que a própria vida,

dos trabalhadores?

Não creio num sonho utópico,

de que as pessoas viverão um dia,

num mundo puro e repleto de igualdade,

não, pelo contrário,

tenho pavor disso tudo.

Então interrompo mais uma divagação

dentro da minha cabeça,

lavo o rosto, escovo os dentes

e me preparo para mais um,

dia de trabalho.

E no fim das contas,

eu já nem sei mais que dia

é hoje.

acorda porra!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s