Uma ameba dos maus tempos – Vítor Oliva

Do alto de seu arrojo indômito
E de sua postura impecável
Nota-se um cérebro imaleável
Onde a ponderação causa vômito

Condicionado a ser ignóbil
Acredita disseminar a justiça
Enquanto é só mais um que atiça
A chama que dissemina o ódio

De sangue se fará sua vil batalha
Da vastidão rubra herdará medalha
Que carregará no peito com orgulho

E na sádica aspiração pela paz
Transforma o que é sereno em mordaz
E vira herói na terra do entulho.

Fascismo em marcha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s