Uivo Fraco

10360709_1011998825477038_1095905330126654353_n

Ginsberg, talvez,
não tivesse razão.

esse poema
não é sagrado.
creio que
esse poema é só
mais um uivo fraco,
entre tantos outros leões
em seus apartamentos,
consumidos pelos
pensamentos,
e quem sabe
pela solidão.
poetas que, pelas
suas janelas abertas,
espalham, por sinais
de rede sem fio,

toda palavra engasgada.
sinto que vivemos
todos esperando
pelo sol,
nessa morte e vida

repentina,
que, nem mesmo
Severino de Maria
sobreviverá.

Ana Flavia Sarti

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s